jusbrasil.com.br
21 de Agosto de 2019
    Adicione tópicos

    Defensoria discute com membros do Sistema de Justiça soluções para crise carcerária

    O defensor público-geral de Mato Grosso do Sul, Luciano Montalli, participou na manhã desta quinta-feira (19) de uma reunião com o objetivo de discutir soluções para os problemas da crise carcerária brasileira, que ganhou visibilidade nacional após mortes nos Estados da Região Norte.

    A proposta foi discutir ações conjuntas entre os órgãos do Sistema de Justiça para a melhoria das penitenciárias estaduais.

    Recentemente, os presidentes dos Tribunais de Justiça do Brasil reuniram-se com a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Carmem Lúcia, para discutir a atual situação.

    O encontro desta quinta-feira é uma recomendação da ministra, que pediu que todos os juízes reúnam-se com membros da Defensoria Pública, Ministério Público e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em cada Estado para propor formas de enfrentar os problemas nos presídios.

    Estiveram presentes o vice-presidente do Tribunal de Justiça, Paschoal Carmello Leandro; o procurador-geral de Justiça, Paulo Cezar Passos; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul, Mansour Elias Karmouche; e o procurador de Justiça, Helton Fonseca Bernardes.

    Condege

    Segundo o defensor público-geral de MS, os membros do Colégio Nacional de Defensores Públicos-Gerais (Condege) têm discutido a possibilidade de realizar uma força tarefa entre as instituições nos Estados onde a crise está mais grave.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)